ASTROLOGIA

Astrologia é a ciência mais antiga estudada pelo homem, surgiu da observação dos astros e estrelas no céu e posterior análise de seu posicionamento influenciando os fenômenos naturais e a vida, originando as previsões astrológicas. Existem registros astrológicos datando do princípio das civilizações, os mais antigos foram encontrados na região da África, cientistas acreditam que tenham sido produzidos por volta de 10.000 a.C.! 

Na Mesopotâmia essa ciência foi estruturada, sendo que muitos elementos de sua organização permanecem válidos até os dias atuais.

No Egito, onde a Astrologia era usada para calcular as cheias do rio Nilo e orientar a produção agrícola, Hermes Trimegistro definiu os sete princípios universais (conhecidos como princípios herméticos) que influenciam todas as coisas e proporcionam a base da interpretação astrológica, são eles:

1) Princípio do Mentalismo - O Todo é mente e o Universo é mental.

2) Princípio da Correspondência - O que está em cima é como o que está embaixo e o que está embaixo é como o que está em cima.

3) Princípio da Vibração - Nada está parado; tudo se move; tudo vibra.

4) Princípio da Polaridade - Tudo é duplo; tudo tem dois pólos; tudo tem o seu oposto; o igual e o desigual são a mesma coisa; os opostos são idênticos em natureza, mas diferentes em grau; os extremos se tocam; todas as verdades são meias verdades; todos os paradoxos podem ser reconciliados.

5) Princípio do Ritmo - Tudo tem seu fluxo e seu refluxo; tudo tem suas marés; tudo sobe e desce; tudo se manifesta por oscilações compensadas; a medida do movimento à direita é a medida do movimento à esquerda; o ritmo é a compensação.

6) Princípio de Causa e Efeito - Toda causa tem seu efeito, todo efeito tem sua causa; tudo acontece de acordo com a Lei; o Acaso é simplesmente um nome dado a uma Lei não reconhecida; há muitos planos de casualidade, porém nada escapa à Lei.

7) Princípio do Gênero - O gênero está em tudo; tudo tem seu princípio masculino e seu princípio feminino; o gênero se manifesta em todos os planos.

Na Grécia, acredita-se que a Astrologia tenha sido introduzida por Pitágoras, onde foi aprimorada pela filosofia sob a influência dos estudos e pesquisas de Ptolomeu.

Na Idade Média, em virtude da obtusa mentalidade ocidental à época, o estudo da Astrologia não avançou, porém no oriente os árabes a conservaram, estudaram, aprimoraram e posteriormente difundiram esse conhecimento.

Com a chegada do Renascimento tudo mudou e a Astrologia voltou a ser usada e investigada, assim como muitos outros campos da ciência aos quais ela está ligada, como a Matemática e a Medicina, que também tiveram grande desenvolvimento. Cientistas como Nicholas Copérnico, Paracelsus, Nostradamus, Kepler e Newton, dedicaram-se a esse estudo que era ministrado em algumas Universidades até que passou a ser desconsiderado como ciência.

Já na Era Contemporânea, os planetas Urano, Netuno e Plutão foram descobertos, instigando a revisão da análise astrológica e expandido esse saber. Autores como Raphael, que em 1824 passou a publicar o "Almanaque", Max Heindel e Carl Gustav Jung foram alguns dos renomados pesquisadores astrológicos que marcaram essa época.

Agora, com o advento da Era de Aquário, a Astrologia deve voltar a reinar como ciência reconhecida e influente, mais atual do que nunca.                                                                                     


MAPA ASTROLÓGICO

O Mapa Astral é o retrato do céu no momento do nosso nascimento, no instante da nossa primeira respiração. Ele mostra a posição dos Planetas e Luminares em relação à Terra e indica, de acordo com esse posicionamento, como nossa vida tende a ser influenciada. Através da análise dessa fotografia é possível identificar quais são os nossos potenciais para melhor aproveitá-los.

O Mapa Natal é representado por um círculo dividido em 12 signos situados em 12 casas onde os Planetas e Luminares estão posicionados. Os signos são influenciados pelos seus planetas regentes e indicam qualidades universais, inerentes aos seres humanos. As casas representam os diversos setores da nossa vida. As pessoas tendem a se comportar em cada casa astrológica de acordo com as características do signo que a estiver influenciando. Para cada pessoa isso varia, de acordo com o dia, o horário e o local do nascimento de cada uma. Somos todos motivados pelos 12 signos de acordo com as casas astrológicas onde eles se encontram.

Quando dizemos que somos de um determinado signo, apenas estamos analisando o nosso signo solar, ou seja, o signo onde o Sol está posicionado em nosso Mapa. O Sol estava passando pelo seu signo no dia do seu nascimento. Recebemos uma forte influência das características representadas por este signo em virtude do Sol ter uma força muito significativa no Mapa Natal. Ele representa a direção que tendemos a seguir instintivamente. O que é inato em nós, a nossa identidade.



OS SIGNOS


DO QUE TRATAM AS CASAS ASTROLÓGICAS


A INFLUÊNCIA DOS PLANETAS E LUMINARES 


ASTROLOGIA E SAÚDE


MEDITAÇÃO PLANETÁRIA

Cada planeta pessoal rege um dia da semana. Em algumas línguas, como a espanhola os nomes dos dias da semana remetem a seus planetas regentes. As meditações realizadas nos dias indicados ajudam a nos conectarmos com essas energias, reforçando as virtudes específicas de cada planeta pessoal, a fim de expressarmos as qualidades superiores que eles representam.


SOL - É o representante da autoridade, do poder e da justiça universal. Visualize o Sol e diga: "Reforço agora em mim a dignidade, a honra, a ordem, a autoridade, a iluminação, a disciplina, a autoconsciência, o brilho, a magnitude, o respeito e a justiça. Através da prática consciente dessas qualidades EU fico em paz e entro em harmonia com o que EU SOU. "

Dia da semana: domingo 


LUA - É a representante da sensibilidade e do poder criativo. Visualize a Lua e diga: "Reforço agora em mim o poder criador da imaginação positiva, a sensibilidade, o amor, a estabilidade, o equilíbrio e a firmeza. Através da prática consciente dessas qualidades EU fico em paz e harmonia com o que sinto. Minha criança interior é feliz."

Dia da semana: segunda-feira 


MARTE - É o representante da força e do poder. Visualize o planeta Marte e diga: "Reforço agora em mim o entusiasmo, a energia dinâmica e construtiva, o domínio próprio, a paciência, a persistência, a independência, o respeito pelos meus semelhantes e a tolerância. Em sintonia com essas qualidades, entro em contato com a minha força interior e coloco meus projetos em prática com coragem e encantamento."

Dia da semana: terça-feira 


MERCÚRIO - É o representante da sabedoria e da inteligência. Visualize o planeta Mercúrio e diga: "Reforço agora em mim a inteligência, a sabedoria, o domínio próprio, a expressão consciente, o equilíbrio e a verdade. Expressando essas virtudes, encontro a paz e harmonizo o que penso com o que comunico."

Dia da semana: quarta-feira


JÚPITER - É o representante do altruísmo, da generosidade e da misericórdia. Visualize o planeta Júpiter e diga: "Reforço agora em mim a bondade, a dignidade, a generosidade, o amor, a misericórdia, o altruísmo, a abundância, a alegria, a justiça e a honestidade. Em sintonia com essas virtudes eu fico em paz com o meu destino."

Dia da semana: quinta-feira 


VÊNUS - É o representante do amor, da bondade e do bem-estar. Visualize o planeta Vênus e diga: "Reforço agora em mim o amor, a misericórdia, a bondade, a dignidade, o respeito, a harmonia, o altruísmo, o esforço e a prosperidade. EU me amo e em paz com essa sensação enxergo a verdadeira beleza que existe em tudo o que é."

Dia da semana: sexta-feira


SATURNO - É o representante da justiça, do direito, da ordem e do poder. Visualize o planeta Saturno com seus lindos anéis e diga: "Reforço agora em mim os princípios da igualdade, do direito, da justiça, do respeito, da ordem, da responsabilidade, da firmeza, da disciplina, do equilíbrio, da maturidade, da paciência e da paz. Em sintonia com esses princípios, EU fico em paz com as minhas escolhas."

Dia da semana: sábado